Arquivo do autor:danilohcastro

Sobre danilohcastro

Tenho ideias por encomenda. @danilohcastro | @oemquepensar

Na maioria das vezes a culpa é minha e entender isso só me faz sentir culpado um pouco mais.

É que para ter certeza é preciso cavar fundo e, dependendo de onde cava, sangra.

– oemquepensar

Poderia responder algo cheio de verdade, disfarçado de piada irônico-sarcástica, mas não direi nada.

Essas são as minhas armas e já não há motivos para lutar.

– oemquepensar

Eu tava num lugar sem pé nem cabeça, com pessoas estranhas e desconhecidas. Então o despertador do celular tocou e eu acordei.

— Alô?!

— Alô

— Tava tendo um sonho ruim, ainda bem que cê me acordou…

– oemquepensar

A maioria das pessoas não acredita que você conseguirá, porque não acreditam em si mesmas. Quando duvidarem da sua capacidade, sorria de volta e continue tentando.

– oemquepensar

Seja para o sim ou para o não, agora já é tarde demais. Estamos entregues à correnteza. Segura bem forte a minha mão.

– oemquepensar

Adicione pitadas de Jeneci, lascas de confiança, gotas de Caetano e o suco de um respeito mútuo.

Se eu trouxer os ingredientes, você cozinha?

– oemquepensar

Existem dois tipos de pessoas: as que fazem o que querem e as que fazem o que deve ser feito.

Eu estou em algum lugar entre essas duas categorias, andando em círculo.

– oemquepensar

O ponto aqui é que se ela fizesse o mesmo seria apedrejada em praça pública, mas com pedras feitas de palavras.

Pedras machucam por fora, palavras…

– oemquepensar

Todo um que eu conheço sonha em ser dois.

Todo dois deveria entender que o segredo é tentar ser o mais um possível.

A matemática do amor funciona. A gente é que não sabe fazer conta.

– oemquepensar

Naquele aplicativo, de um sistema operacional qualquer, a felicidade começa com “escrevendo…”.

– oemquepensar

Eu quero que você saiba que sinto quilômetros de saudade e que te amo galáxias.

– oemquepensar

— Nossa quantas opções!!!
— Nossa, quanta responsabilidade…
— Pára de drama!
— Não são carros ou roupas. São pessoas e sentimentos…

– oemquepensar

Começou. E lá vou eu. Mais uma vez. Será esta a mais emocionante? Tipo final de temporada de série boa. Braços abertos. Olhos ainda mais. Ou é tudo. Ou é nada. Sabe quando não tem mais volta? Aquela sensação de que não dá mais pé. Frio na barriga. Quentinho no coração. É como entrar numa cachoeira de água gelada num dia quente. A água fria invade os poros e, mesmo que por instantes, te faz esquecer desse medo do que virá, das dúvidas de como será, do pensar o tempo todo nas cenas dos próximos capítulos. Não há muitas opções. Resta manter a calma enquanto deixa a correnteza te levar sabe-se lá pra onde. Que seja doce!

– oemquepensar

Entenda: eu não sou sua salvação.

Eu, assim como você, sou apenas mais um que precisa ser salvo.

Do quê ainda não sabemos!

– oemquepensar

O mundo está cheio de meias pessoas, que são quase elas mesmas.

Pessoas tão perdidas que nem sentem vergonha por não sentirem quem são.

Eu paguei pra ver e acho que consegui sair ileso. Sangra, mas cicatriza. Dói, mas liberta. E isso não tem preço.

É que eu me dei conta de que quando a gente não vive o agora, o hoje já é quase ontem.

– oemquepensar

— Não é mesmo, Sr. Indiretas!?!?

— Pessoas inteligentes são indiretas…

– oemquepensar

Há um oceano que separa o “quero te ver feliz” do “quero ser feliz com você”.

Alguém disposto a nadar?

– oemquepensar

Numa escala de felicidade, você é o som da buzina do carrinho de sorvete num dia quente de verão da minha infância.

– oemquepensar

Não tenho nada contra, até me parece o certo a se fazer, mas as respostas lá oferecidas não se encaixam nas minhas perguntas…

– oemquepensar

Um dia, quando você, seja você quem for, se jogar, me jogo. Exatamente nessa ordem. Aguardemos por um dia…

– oemquepensar

Dia desses, de bom humor, imaginei que eu era um prêmio da loteria, que você ganhou, mas esqueceu de retirar.

Noutros dias, na maioria, quando de mau humor, geralmente às segundas de manhã, concluo que você é apenas idiota.

– oemquepensar

No ônibus vermelho, de olhares cinzas, ela se ofereceu para segurar minha mochila e cochilou.

Cochilou como quem se sente absurdamente à vontade, ao segurar gentilmente os pertences de terceiros.

– oemquepensar

Do alto do seu “sou folgado pra car*lho” é fácil ver ao longe, lá em baixo, um ponto luminoso. É o meu “tô nem aí”.

– oemquepensar

Aqueça a relação, digo, panela, em fogo médio.

Com o fogo baixo talvez a receita não dê muito certo. Ou vire outra coisa, tipo amizade.

Já se o fogo estiver alto, cuidado. Isso é paixão. O que vai fazer com que tudo queime rapidamente e não restará outra opção a não ser jogar fora.

No fogo médio é que as almas se conectam. Digo, ingredientes. Como pernas entrelaçadas dentro de um ofurô. Como mãos que se encaixam como imãs. Como pintas nos lábios que são como um sinal de que já era, antes mesmo de ser.

– oemquepensar

Eu gostar de você, tá errado.

Eles não gostarem de mim por gostar de você, tá certo.

Que valores idiotas são esses?

– oemquepensar

Serei o que sonhar ser, antes do que acham e depois do que espero.

Serei o vento soprando na franja como beijo bom quando encaixa.

Serei o mergulho profundo em si mesmo para então voar.

Serei o querer com toda a força do que há de ser.

– oemquepensar

— Ela disse que talvez você e eu somos almas gêmeas…
— Tá vendo? Ela parece ser uma pessoa legal.
— Ela disse pra eu esquecer isso de alma gêmea…
— Esquece o que eu disse, ela não é legal rs’

– oemquepensar

Impressionante como você sorri com a inocência de quem não sabe que tem o sorriso mais lindo do mundo.

Doido como você não tem noção de como consegue desestabilizar qualquer um com esse seu olhar que demora.

Me lembra alguém que vive por aí, distraído entre texturas de pedras, o gosto da boca, as muitas cores da flor, o cheiro do cabelo, a lealdade dos cães, a sarda no ombro, o luar do verão, o abraço que aperta, a brisa que acaricia…

Você é como uma antena, um para-raio que capta apenas coisas raras para então mergulhar de cabeça. As vezes a água é rasa e você se machuca. Faz parte. Noutras, a viagem é tão profunda que você só consegue olhar para cima e agradecer. Puro êxtase.

Ver você viver é como ler um poema.

Que o acaso te proteja.

– oemquepensar