Eu sei que a vida não é romântica, nem doce, nem fácil…

Então pra me vingar, de vez em quando, convenço outras pessoas que é possível.

Funciona por um tempo e enquanto elas acreditam, gargalhamos juntos na cara da vida.

Que sempre dá um jeito de estragar o faz-de-conta.

– oemquepensar

— Eu tenho medo de altura…

— Sobe logo!

— …

— Eu nunca trouxe ninguém aqui.

— …


— Você ainda tá com medo?


— Tô!


— Medo de quê?


— De descer… rs’

– oemquepensar

— Por que você tá todo ‘bobiço’ hoje?

— Ah, tô tentando te agradar, você tá ‘chatiço’ hoje.

— Pois é…

– oemquepensar

Só te entrego meu coração se você disser que nunca sentiu nada parecido por ninguém antes, mas não me diga com palavras… atitude, essa é a palavra!

Eu só quero se for único, verdadeiro, absurdo, amável, visceral, admirável, dilacerante, justo, respeitável, puro, mais do que eu imagino… parece complicado, mas é simples! Ser você mesmo não é tão difícil assim…

E eu continuo acreditando no “pra sempre”, mas já não faço disso uma condição. A única regra aqui é fazer bem e sorrir… e, se possível, pra sempre.

– oemquepensar

Eu acho que a gente tem uma conexão tão foda. Tão “tava escrito”. Tão “era pra ser”…

E tô sempre tão acostumado a me dar inteiro e receber você inteiro de volta, que quando falta um pedacinho seu, ou quando eu acho que falta um pedacinho seu, já fico mal…

A sensação é tipo a de um viciado com abstinência em crack, mas pior, já que estamos falando da droga do amor…

E é aí que o problema começa. Eu não deveria me sentir mal por achar que falta um pedacinho seu. Simplesmente por que nenhum dos seus pedacinhos é um pedacinho meu. Você é de si mesmo e se dá pra quem, quando e onde quiser…

Eu sei, tô sendo intenso. Até queria não me importar tanto, não esperar tanto, não idealizar tanto, mas não dá. Esse sou eu. Esse é um dos meus pedacinhos…

E se você quis se dar pra mim agora, você precisa abraçar esse meu pedacinho com carinho, do mesmo jeito que abraça os meus outros pedacinhos. Juro que tô fazendo o mesmo por você…

Sabe, talvez esse seja o segredo. A gente vai abraçando com carinho os pedacinhos um do outro e quando vê já se passaram dez meses, dez anos, uma vida inteira…

E aí, quando estiver naquele jardim daquela casa de campo, vai olhar pra trás e poder dizer que valeu a pena cada pedacinho.

– oemquepensar

Um dos meus porteiros se chama Zé.

E eis aí o cúmulo da redundância.

Me incomoda dizer “Bom dia, Zé” ou “Bela Camisa, Zé”. Pareço preconceituoso.

Deveria ser um outro nome. Diferente. Original. Que tal… Luzinete?

– oemquepensar

Se eu não estiver presente, estarei na conversa.
Se eu não estiver na conversa, estarei no pensamento.
Se eu não estiver no pensamento, estarei na memória.

– oemquepensar

Não sei se ‘cê sabe, mas vez ou outra fico observando a gente.

Não sei se ‘cê faz, mas dou um jeito e consigo me distanciar dali em pensamento.

Geralmente é quando ‘cê ‘tá falando de arquiteturas e me divido entre o que vive e o que assiste aquele momento.

Acredita em mim, a gente junto é maior bom de se ver. Tão bom que dá até pra sentir e isso é incrível.

Não um incrível clichê ou idealizado. Um incrível real. Um incrível possível.

Nesses momentos, agradeço o ‘cê, o universo e a mim, por esse encontro. E me pergunto se isso é o que se chama amor.

– oemquepensar

Pegue o último elogio que recebeu, escreva num papel e cole em si mesmo. (Pode ser na testa).

Olhe-o no espelho. Mostre-o por aí.

Catorze dias depois, descole o papel, passe o elogio adiante e vá ser feliz. (Até nos dias difíceis ou sem elogios).

– oemquepensar

E disse algo simples e genial: Que havia descoberto o sentido da vida. E ele é para dentro.

– oemquepensar

A cotação da ‘felicidade’ está em baixa, enquanto o valor unitário das ‘promessas não cumpridas’ não para de subir…

– oemquepensar

Amo aquele texto, daquele Caio, que fala sobre remar um barco juntos. Mas não me lembro daquela parte de pular do barco e ser levado pela correnteza pra qualquer lado ou permanecer no barco remando no escuro…

– oemquepensar

— Certeza que você ainda pensa em mim mesmo estando com ele.

— Não.

— Eu sei que sim.

— Ele > abismo, abismo, abismo, abismo > guerra nuclear > apocalipse > abismo, abismo, abismo > você.

— …

– oemquepensar

Você acerta um milhão de vezes e isso sai no máximo no caderno de Variedades do jornal da sua cidade. Você erra uma vez e seu nome é o mais buscado no Google.

– oemquepensar

Tava aqui pensando, a minha indiferença combina perfeitamente com o seu orgulho.

– oemquepensar

E depois de mentir tanto, já não se reconhece mais. E já não pode mais voltar para si. Vive a ser outros, sempre um estranho. E quando olha no espelho, seus olhos mentem que está tudo bem, mas não convencem ninguém.

– oemquepensar

O seu coração é como uma linda casa de campo. Com jardim, aconchego e comida boa. Tem cheiro de chá antes de dormir. Tem fruta colhida no pé. Tem abraço-casa.

E tem um lugar no seu coração, um lugar que ninguém esteve. É onde eu quero estar. Segure a minha mão e me leve até lá.

– oemquepensar

Conheci gente que é linda de cara, e fim.

Há outra gente que é linda de dentro, enfim.

– oemquepensar

— Ela disse que vai se matar.

— Diz pra ela que existem coisas na vida que a gente não pode mudar, só aceitar. Diz que ela com certeza pode conhecer pessoas e lugares incríveis, mas só se estiver viva.

– oemquepensar

Talvez a vida seja um eterno escolher… entre o que você quer e o que você deveria querer.

– oemquepensar

Ontem parece melhor porque está longe.

Amanhã parece promissor porque ainda demora.

Hoje talvez seja o pior dos três, mas ao menos está marcado para agora e tem a vantagem de estar ao alcance das mãos.

– oemquepensar

Na maioria das vezes a culpa é minha e entender isso só me faz sentir culpado um pouco mais.

É que para ter certeza é preciso cavar fundo e, dependendo de onde se cava, sangra.

– oemquepensar

Poderia responder algo cheio de verdade, disfarçado de piada irônico-sarcástica, mas não direi nada.

Essas são as minhas armas e já não há motivos para lutar.

– oemquepensar

Eu tava num lugar sem pé nem cabeça, com pessoas estranhas e desconhecidas. Então o celular tocou e eu acordei.

— Alô?!

— Alô

— Tava tendo um sonho ruim, ainda bem que cê me acordou…

– oemquepensar

A maioria das pessoas não acredita que você conseguirá, porque não acreditam em si mesmas. Quando duvidarem da sua capacidade, sorria de volta e continue tentando.

– oemquepensar

Seja para o sim ou para o não, agora já é tarde demais. Estamos entregues à correnteza.

Segura bem forte a minha mão.

– oemquepensar