Dou voltas com Caetano, flerto com Quintana, me divirto com Leminski, bato um papo com Clarice, mas não tem jeito, eu sempre Caio.

– oemquepensar